Taciana Valença

TACI EM VERSOS E PEDAÇOS.

Textos


Deslizava sobre pedras...
Sorriso, entrega.
Livre, solto, escorregando,
Espumas felicidade
Jorravam intensamente,
Jogando-se nos braços do leito.
Deleite feliz de entrega sem par.
Era sustento deslizando em águas claras,
Transparentes, reluzindo ao sol,
Deixando-se ser, seguir.
Mas já não chove...
Fonte sacrificada em suspiros últimos,
Desce fina, calada, sem forças.
Nascente que morre;
Agonia de dor fina, fina...
Punhal.
Filete de água que não sacia,
Tão turva morrendo no seco.
Fonte ao avesso.
(Taciana Valença)
TACIANA VALENÇA
Enviado por TACIANA VALENÇA em 11/10/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras